Prefeitura de Abreu e Lima recebe outra unidade do SAMU

Uma nova ambulância para o serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi entregue à população abreulimense nos últimos dias. A aquisição foi feita através da Secretaria de Saúde municipal, dando um maior reforço à prestação de serviços médicos de emergência. A ambulância poderá ser acionada pela população pelo número 192, sendo que a unidade mais próxima irá se deslocar até a pessoa.

No mês de março, a Prefeitura de Abreu e Lima adquiriu uma unidade móvel de suporte básico do SAMU. O transporte foi uma doação pelo Ministério da Saúde ao município. Atualmente, o município possui duas unidades móveis, mediante empenho da administração municipal. “Estamos felizes com mais esta aquisição, que beneficiará nossos munícipes com mais rapidez e eficácia no transporte dos pacientes” comentou o prefeito, Marcos José.

 

Fotos: Manoel Paparazzo

Texto: Gamal Brito

Saúde do Homem é lembrada durante palestras

Saúde do Homem é lembrada durante palestras

Alertar a população masculina sobre possíveis doenças e o meio para preveni-las é o que vem acontecendo com a realização de diversas palestras feitas pela Secretaria Municipal de Saúde. Os encontros acontecem às quintas-feiras, das 18 às 20 horas, no Centro de Especialidades Médicas (no mesmo prédio onde funciona a Secretaria de Saúde), no bairro do Timbó.

Entre os temas abordados durante as palestras estão assuntos como: Câncer de pulmão e de pele, hipertensão, doença cardiovascular, diabetes, disfunção erétil, AIDS, envelhecimento, entre outros. Além de participar das palestras, o público masculino pode ainda realizar, em datas previamente marcadas, exames de HIV, sífilis e hepatites. Os testes são gratuitos e confidenciais e não precisam de agendamento.

Dia 14

Câncer de Próstata, Depressão e Suicídio e Hábitos Saudáveis.

Dia 21

Diabetes, Disfunção Erétil e HIV.

Dia 28

Doença Hepática, Câncer de Pele e Envelhecimento

Prefeitura entrega tabletes para agentes comunitários de Saúde

A Prefeitura de Abreu e Lima, através da Secretaria de Saúde, reuniu na tarde desta segunda-feira (4), no auditório da Escola Municipal José Francisco Barros, 147 agentes comunitários de saúde (ACS) e 40 agentes de combate a endemias (ACE). O objetivo do encontro foi a entrega de tabletes para facilitar o trabalho dos profissionais durante as visitas domiciliares feitas diariamente.

Até então, os agentes preenchiam manualmente as planilhas e, depois, lançavam os dados no sistema. Agora, como os dados serão preenchidos e lançados apenas uma vez, a produtividade será aumentada, assim como a qualidade do atendimento – uma vez que os agentes, enfermeiros e médicos terão mais informações sobre o histórico dos pacientes. Outro fator relevante da informatização dos dados é a possibilidade de monitoramento do desempenho dos agentes.

O prefeito Marcos José participou do evento e parabenizou os agentes pelos serviços prestados por eles ao município. “Vocês é que estão nas casas do povo todos os dias, conhecem de perto seus problemas e necessidades. Com certeza, a partir de agora terão um trabalho mais ágil e inovador”, disse. A secretária de Saúde Sônia de Arruda parabenizou a equipe e ressaltou que o trabalho do município está em conformidade com as exigências e orientações do Governo Federal. “Todo o sistema está em conformidade com as exigências do Ministério da Saúde, que estabeleceu como metas a informatização da Saúde e o investimento no trabalho de prevenção, que é exatamente o trabalho dos agentes de saúde”, comentou a secretária.

Fotos: Carlos da Hora

Texto: Gamal Brito

Profissionais de Saúde participam de Curso em Atendimento Pré-Hospitalar

Por Gamal Brito

Cerca de 60 profissionais de saúde do Hospital e Maternidade de Abreu e Lima, entre eles médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem participam hoje, no prédio da unidade de saúde, do Curso de Qualificação Profissional em Atendimento Pré-Hospitalar (APH). O objetivo é capacitar os profissionais para atuarem no mais alto padrão de atendimento pré-hospitalar.

Durante o curso, os participantes tiveram aulas práticas com manequins adulto e infantil, para que possam proporcionar um atendimento de qualidade com atuação correta e imediata de manobras, cuidados em situações emergenciais e atendimento à vítima traumatizada, além de estimular o raciocínio crítico. O curso foi promovido pela secretaria municipal de saúde, com apoio da Prefeitura de Abreu e Lima e teve como instrutor o mestre de terapia intensiva, Fagner Menezes.

Fotos: Carlos Da Hora

Abreu e Lima realiza 1º Fórum de Saúde Mental

Por Gamal Brito

Profissionais da saúde e estudantes universitários lotaram na manhã desta quarta (9), o auditório da escola municipal José Francisco Barros durante a realização do 1º Fórum de Saúde Mental no município.

O objetivo do encontro foi desenvolver debates sobre as políticas públicas direcionadas ao tema e apresentar como funciona na cidade, a rede voltada à Saúde Mental. Cerca de 80 profissionais de Saúde trabalham no município, entre psicólogos, psiquiatras, terapeutas ocupacionais, enfermeiros e técnicos de enfermagem.

Na abertura, o prefeito Marcos José falou do trabalho desenvolvido no município e destacou as várias unidades de saúde que atuam com transtorno mental. Na ocasião, a secretária municipal de Saúde, Sônia de Arruda fez um breve relato histórico sobre a Saúde Mental no município. Lembrou ainda a existência dos Caps Infantil e Adulto, 24h e residências terapêuticas.

“É sem dúvida, um grande momento para que todos possam conhecer o que vem sendo feito sobre a Saúde Mental e as famílias dos pacientes que residem em Abreu e Lima”, disse Sônia.

Em seguida à fala de todos os integrantes da mesa, o debate foi aberto à plenária, para a exposição de ideias, dúvidas e opiniões sobre as questões relativas à saúde no município.

O evento contou com a participação de diversos preletores. A primeira a utilizar do microfone foi a psicóloga Cristina Mendonça que abordou o tema: Reforma Psiquiátrica e Residência Terapêutica. Logo em seguida, Doutor Rafael Mendes, falou sobre Clínica de Dependência Química e doutor Dennys Lapenda, que trouxe a palestra sobre Clínicas das Psicoses.

Fotos: Carlos da Hora

Posts navigation

1 2 3 17 18 19 20 21 22
Scroll to top
Skip to content