Secretaria de Educação promove abertura da Semana da Inclusão no município

Agosto é o mês da inclusão, quando em todo país são realizadas ações para promover o debate sobre esse tema, e em Abreu e Lima não foi diferente. Em encontro promovido ontem (28), na escola municipal José Francisco Barros, foi realizada a abertura da Semana da Inclusão, com o tema “Amar, lutar e transformar”. Para tratar dessa temática foram promovidas palestras e apresentações culturais, com coral de libras e apresentação de cordel, além da participação do Instituto Passo de Anjo.

Estiveram presentes ao evento o Prefeito Marcos José, a secretária de Educação Marlete Lins e a representante da Coordenadoria da Mulher Maria Helena, além de Valquíria Macedo, coordenadora do Atendimento Educacional Especializado (AEE), responsável pela organização do encontro, que contou com mais de 200 profissionais de educação das escolas do município. Registrada também a participação de alunos com necessidades especiais e um detalhe que chamou bastante atenção foi a presença de uma intérprete de libras, que traduziu todo o encontro.

A partir de hoje (29) também serão realizadas atividades promovidas pelo Atendimento Educacional Especializado (AEE) em todas as escolas do município e foi justamente sobre essa ação que o Prefeito Marcos José comentou. “Iniciativas como essa são essenciais para melhoria na educação e a Prefeitura, através da secretaria Educação, está empenhada em transformar a realidade dos jovens com necessidades especiais. A ideia é que possamos contar com a participação dos pais das crianças, pois só quem compartilha dessa situação é que sabe os verdadeiros caminhos dessa luta” disse.

A Semana da Inclusão terá sua culminância na sexta-feira (31), quando será realizada uma grande ação na Praça São José, das 8h às 12h. Na ocasião, todas as escolas do município levarão seus alunos até o local, que contará com a presença de agentes multiplicadores da inclusão. Para a secretária de Educação, “Essa ação tem como objetivo trazer até a população abreulimense uma temática tão relevante quanto a inclusão nos dias atuais”, explica.

Texto: Victor Fernandes

Fotos: Marina Santos

Alunos de escolas municipais visitam exposição arqueológica

Desde terça (14) as Escolas Municipais (Jorge Gonçalves, Neuza Rodrigues, Dom Carlos Coelho, Vanda Maria, Pedro Salviano, José Francisco Barros) visitam a Exposição, quando cerca de 170 alunos puderam observar parte das escavações que estão expostas. A reação inicial dos pequenos foi de estranheza, mas com apoio da instrutora Rafaele Paz (aluna da UFPE), as coisas ficaram mais claras. De acordo com o Jonathan Silva, aluno da Escola José Francisco Barros, “a exposição é um mergulho na história”.

Durante esse mês de agosto, a sede da Prefeitura de Abreu e Lima promove uma Exposição Arqueológica histórica, com diversos itens encontrados no secular Engenho Jaguaribe. A mostra tem como objetivo revelar uma parte da história do município que é pouco conhecida pela população abreulimense e, considerando a relevância histórica desses materiais, a Secretaria de Educação decidiu levar os alunos da rede municipal para visitarem a exposição.

A exibição desse material é uma parceria da Prefeitura de Abreu e Lima com alguns alunos da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), que já estão há mais de três anos empenhados nas escavações. Para os interessados em visitar a mostra, os artigos ficaram expostos até dia 01 de setembro, na sede da Prefeitura. A exposição fica aberta ao público das 8h às 14h, de segunda a sexta, e a entrada é gratuita.

Texto: Victor Fernandes

Fotos: Carlos da Hora

Escolas da área rural recebem formação de professores

A zona rural de Abreu e Lima recebeu, ontem (15), mais uma ação de incentivo ao desenvolvimento na área. A iniciativa da Prefeitura municipal por meio da secretaria de Educação, foi possível promover uma formação para os educadores que fazem parte do ensino na localidade. O evento ocorreu na Escola Eduardo Batista em Engenho novo, onde foi debatido o tema “Princípios e fundamentos da educação do campo”.

Estiveram presentes o Prefeito Marcos José, a secretaria de educação Marlete Lins, além dos professores orientadores Alda Bezerra, Aldy Bezerra e Jailson Santos. O evento teve como objetivo promover o conhecimentos sobre educação no campo aos profissionais do município, no início da primeira fase dessa formação, foram trabalhados subtemas, como: Fundamentos da Ed. do Campo, Alfabetização e Letramento, Organização  do espaço pedagógico e Jogos Matemáticos.

Esse trabalho conta também com apoio da Secretaria executiva de desenvolvimento da Educação (SEDE) e também da Gerência de Políticas Educacionais da Educação do Campo (GEPEC), órgãos que fazem parte da Secretaria de Educação do estado. O Prefeito Marcos José ressaltou que ações como essas são necessárias para estabelecer um padrão na educação municipal “Esse tipo de parceria possibilita a nossos educadores mais condições de trabalho e aumenta o nível da nossa educação”.

Texto: Victor Fernandes

Fotos: Manoel Paparazzo

Encontro Pedagógico reúne educadores da rede municipal de Abreu e Lima

As aulas nas escolas municipais de Abreu e Lima retornam nesta quarta (25), depois de pouco mais de 15 dias de recesso os alunos voltam às atividades normais. Mas, antes disso, na terça (24) houve um encontro pedagógico na escola municipal José Francisco Barros, que reuniu mais de 200 profissionais de educação.

A temática do evento foi “Professor é aquele que mostra para onde olhar, mas não diz o que deve ver”, com objetivo de motivar os educadores para a retomada do semestre. Estiveram presentes na ocasião o Prefeito Marcos José, a secretária de educação Marlete Lins, o presidente do Sindicato dos professores Paulo Freitas, além do promotor de Justiça Agnaldo Fenelon, que palestrou para os professores, supervisores e gestores que estavam no auditório.

O tema da palestra foi Educação e Violência, quando o jurista trouxe em seu discurso estatísticas importantes sobre o assunto, segundo ele “Mais de 95% dos jovens que estão pelas ruas delinquindo, não fazem mais parte de um ambiente escolar”. O Encontro Pedagógico contou ainda com a participação de alunos da escola municipal Neusa Rodrigues, que se apresentaram ao público com um grupo de ciranda, coordenado pelo Professor Giovani Matos.

 

Texto: Victor Fernandes

Fotos: Marina dos Santos

Secretarias trabalham em conjunto no combate ao bullying

Na manhã da última sexta-feira (15), foi realizado um encontro entre profissionais das secretarias de Educação e Saúde / Vigilância Sanitária para tratar de uma temática importante: o bullying. As duas secretarias estão realizando um trabalho em conjunto para identificar de onde surge esse esse mal e como as escolas devem atuar nesses casos.

A vigilância fará visitas periódicas às escolas municipais, onde serão feitos registros dos perfis de alunos e os profissionais da educação terão um papel preventivo, identificando qualquer movimento de bullying nas salas de aula. O serviço de combate a esse fenômeno também contará com a colaboração da Secretaria de Saúde do estado.

Algumas escolas da rede municipal já estão encampadas nessa luta, entre elas: José Francisco Barros, Maria Vieira e Dom Carlos Coelho. Após o período de recesso escolar, as demais unidades de ensino municipal receberão visitas e palestras sobre o tema.

Texto: Victor Fernandes

Foto: Manoel Paparazzo

 

Posts navigation

1 2 3
Scroll to top